PCP questiona Governo sobre ilegalidades na ‘AIS Portugal Automotive Interior Systems, Lda’, em Montemor-o-Novo

Criado em terça, 11 dezembro 2018, 15:43

 

O deputado Valter Lóios, no dia 7 de Dezembro, questionou o Governo na Assembleia da República sobre o recurso ilegal à precariedade na ‘AIS Portugal Automotive Interior Systems, Lda’, e violação de direitos laborais, repressão e chantagem sobre os trabalhadores.

“AIS Automotive Interior Systems Portugal, Lda”, em Montemor-o-Novo, empresa do sector automóvel, teve ao longo dos anos a grande maioria dos seus trabalhadores contratados através de empresas de trabalho temporário.

Em Abril de 2017 o Tribunal da Relação de Évora condenou a empresa a reintegrar um trabalhador contratado através de uma empresa de trabalho temporário, que tinha sido ilicitamente despedido.

Após esta situação, a AIS em consonância com a Randstad pressionou 50 trabalhadores (todos há mais de 4 anos a trabalhar na empresa, mas subcontratados pela empresa de trabalho temporário) a assinarem adendas, passando a ter vínculos efetivos com a empresa de trabalho temporário. Esta foi uma estratégia para evitar que estes trabalhadores viessem a reclamar o seu justo direito de serem trabalhadores efetivos da AIS, na semelhança do caso sucedido.

Estas e outras ilegalidades são inaceitáveis pelo que o PCP questionou o Governo sobre se tem conhecimento desta situação, que ações inspetivas realizou a ACT à AIS, nos últimos 10 anos e que apuramento fez. Quais as medidas vai tomar para suspender de imediato as práticas repressivas de chantagem, represálias e de vingança para garantir o cumprimento integral os direitos dos trabalhadores.

Temos 50 visitantes e sem membros em linha

Copyright © 2019 Organização Regional de Évora do PCP. Todos os direitos reservados.
Joomla! software livre. Licença GNU GPL.
Monday the 21st. Joomla Templates Free. Organização Regional de Évora do PCP
Copyright 2012

©

joomla visitors